26 de dezembro de 2019

O Conhecimento

do Yoga Vasishtha


"Para o ignorante, o conhecimento da escrituras é um fardo,
para quem é cheio de desejos, até a sabedoria é um fardo;
para quem é impaciente, sua própria mente é um fardo;
e para quem não tem auto-conhecimento, o corpo (a duração da vida) é um fardo."

Mundaka Upanishad II.2.1 e 2

tradução de Carlos Alberto Tinoco

"Este Brahman é puro brilho, residindo na cavidade do coração. Ele é o grande suporte de todas as coisas. Nele estão concentradas todas as coisas moventes. O discípulo que O conhece em seu Ser percebe que Ele é o grosseiro e o sutil, é o adorável, o supremo, situado além do entendimento das criaturas."

"Aquele que é radiante, sutil dentre os sutis. Aquele pelo qual os mundos e seus habitantes são suportados, Aquele, verdadeiramente, é o indestrutível Brahman; Aquele é o Prana, a fala e a mente. Aquele é a verdade, Aquele é o imortal. Ele pode ser conhecido pela mente. Concentre sua mente em Brahman, meu amigo"


Tinoco, Carlos Alberto.As Upanishads. São Paulo, 1996. Ibrasa.


Na Vida do Yoga

por Viswanatha Mysore Sivaram
"Na vida do yoga,
asana são os dias da infância,
o pranayama os da juventude,
prathyahara os do período adulto e
dhyana os do estágio da reclusão."